informações gerais sobre mamíferosinformações gerais sobre répteisinformações sobre anfíbios em geralinformações e curiosidades sobre avesinformações gerais sobre insetostudo sobre aracnídeosanimais em ordem alfabética
Página sobre a serpente Urutu - site www.ninha.bio.br retornar à página inicial do site www.ninha.bio.br ir pra a página principal do site

PESQUISE NESTE SITE:

Lagartixas e lagartinhosDiversos tipois de lagartosTudo sobre iguanasCamaleão e suas característicasTuatara, quase um fóssil vivoTudo sobre répteiswww.ninha.bio.br
 
 

Urutu

Família : Viperidae
Espécie: bothrops alternatus

urutu-cruzeiro

A Urutu pode chegar até a 1,50m .

É peçonhenta e seu veneno é necrosante/hemorrágico/coagulante.
O soro usado é o anti-botrópico.

Se alimenta principalmente de pequenos roedores.

A reprodução da urutu é vivípara - não põe ovos, os filhotes já nascem prontos.
Nascem de 10 a 15 filhotes de cada vez.

A dentição da urutu é solenóglifa - possui presa para injetar veneno.

De hábito noturno, a Urutu vive nos cerrados e banhados do sul do Brasil, do Paraguai, Uruguai e  Argentina.

Alguns exemplares de Urutu apresentam, na cabeça, um desenho branco em forma de cruz, como na ilustração ao lado, e por isso é conhecida também como Urutu Cruzeiro, ou Cruzeira. Isso não significa que seu veneno seja mais forte do que das outras Bothrops.

As Urutus são animais de hábitos noturnos, e usam a visão e a fosseta loreal para localizar seu alimento (tipo a visão de calor do Predador - filme).

A Urutu é uma das serpentes que produz maior quantidade de veneno.

urutu

É fácil de reconhecer a urutu por seu desenho, como se vê na foto ao lado.

Existem outras cores de Urutu, mas o desenho é igual.

A parte de baixo da Urutu é clarinha.

escondida entre as raizes de uma árvore

Esta Urutu estava dormindo (era de dia) escondida sob as raízes de uma árvore seca.

by   envie e-mail
 
Recuperação de imagens estragadas pelo tempo

Caso exista alguma foto aqui que seja sua, colocarei o crédito com o maior prazer. Caso não queira que seja exibida, substituirei por outra.
Para colaborar com textos e fotos, envie email para anamaria.ninha@gmail.com.

animais fora de controleanimais desconhecidosPlaneta TerraSeres HumanosNotícias biológicasAnimais que vivem na terraAnimais que vivem na água
Política de Privacidade